propaganda

Jurídico /

Quinta-feira, 26 de Novembro de 2020, 18h:33

A | A | A

Comissão da Mulher Advogada realiza webinar "O Processo Ético Disciplinar por elas"

A OAB Nacional, através da Comissão Nacional da Mulher Advogada (CNMA), realizou, nesta quinta-feira (26), o webinar "O Processo Ético Disciplinar...


Imagem de Capa
OAB Nacional

A OAB Nacional, através da Comissão Nacional da Mulher Advogada (CNMA), realizou, nesta quinta-feira (26), o webinar "O Processo Ético Disciplinar por elas", com a participação de advogadas e especialistas que debateram sobre a importância da participação feminina nos tribunais de ética e em outros espaços da Ordem, prerrogativas de advogadas gestantes e limites éticos de publicidade, dentre outros assuntos. Todo o evento foi transmitido em tempo real no canal da OAB Nacional no YouTube.

Foram realizados 5 painéis, que discutiram "Os limites éticos e legais do direito de postulação"; "Aplicação da Súmula n. 09/2019", que impede a inscrição de agressores de mulheres nos quadros da Ordem; "Limites éticos da publicidade nas redes sociais"; "As prerrogativas das advogadas gestantes e lactantes nos tribunais de ética"; e "A importância da presença de advogadas nos Tribunais de Ética". Com um formato inovador, o webinar funcionou como uma grande roda de conversa, com a participação das especialistas respondendo perguntas feitas pelas mediadoras.

Para a presidente da CNMA, Daniela Borges, o webinar mostra a relevância da presença das mulheres nos espaços de poder da Ordem. "Os debates foram sobre temas importantes e com convidadas especiais. As discussões mostram a importância e a necessidade das mulheres nos espaços de comando da entidade. Dessa forma, podemos refletir, pensar e propor ações e um outro olhar sobre as situações, podendo impulsionar transformações", afirmou Daniela Borges.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Caso a vacina para a Covid-19 seja liberada no Brasil, você pretende tomar?
Sim, se for a Chinesa
Sim, se for a Russa
Sim, se fosse outra
Nem pensar
Não tenho opinião formada sobre o assunto