Internacional /

Quinta-feira, 08 de Novembro de 2018, 12h:13

A | A | A

UFPE aciona Ministério Público para investigar ameaça a professores

Divulgação/UFPE Campus da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) em Recife, onde carta com ameaça a professores foi deixada A Universidade Federal...


Imagem de Capa
Campus da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) em Recife, onde carta com ameaça a professores foi deixada
Divulgação/UFPE
Campus da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) em Recife, onde carta com ameaça a professores foi deixada

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) acionou o Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF), solicitando que ameaças a professores e estudantes da instituição de ensino sejam investigadas.

Leia também: STF intima Eduardo Bolsonaro a prestar esclarecimentos por ameaça à jornalista

A Procuradoria da República em Pernambuco já havia instaurado na quarta-feira (7) um procedimento para acompanhar a apuração policial, que tenta identificar quem deixou na sala do Diretório Acadêmico de História, na última terça-feira (6), uma carta com ameaças a professores e alunos junto de uma lista de nomes de frequentadores do Centro de Filosofia e Ciências Humanas a serem "perseguidos". O conteúdo da carta foi reproduzido em redes sociais.

Intitulada Doutrinadores e alunos que serão banidos do CFCH, a lista apócrifa elenca uma série de docentes, classificando-os como “ doutrinadores ”, “comunistas” e “uma ameaça à moral e aos bons costumes”. Já os alunos da instituição são tratados como “orientandos esquerdistas” e um “exército de viados, travecos, feminazis, prostitutas e todos os tipos de degenerados”.

Em um comunicado divulgado em seu site, a universidade repudiou as ameaças e insultos que estão sendo feitos a professores e estudantes do Centro de Filosofia e Ciências Humanas “devido ao posicionamento político-ideológico, à orientação sexual e à etnia”. Além de acionar o MPF e a PF, a reitoria da universidade também determinou a abertura de uma sindicância interna para tentar esclarecer os fatos.

Leia também: Marcelo Adnet fala de ameaças: "Rola um terrorismo diário"

“A UFPE não admite, sob qualquer hipótese, que a violência ameace as liberdades de cátedra e individuais, defendendo a academia como espaço para o pluralismo de ideias”, afirma a reitoria, convocando a comunidade acadêmica a denunciar casos semelhantes à Ouvidoria-Geral da instituição, por meio do site da universidade.

Em suas redes, o coordenador do Programa de Pós-Gradução em Sociologia, professor José Luiz Ratton , classificou os ataques aos citados nominalmente como “ofensas às várias e desejáveis formas de afirmação da cidadania brasileira, à autonomia da universidade pública, às liberdades civis e à democracia”.

Na tarde desta quarta-feira (7), a Associação dos Docentes da UFPE (Adufepe) realizou um ato em repúdio às ameaças a professores , em frente ao Centro de Filosofia e Ciências Humanas. De acordo com a associação, cerca de 200 pessoas participaram do ato.

* Com Agência Brasil

Leia também: Marília Mendonça denuncia ameaças após aderir à campanha contra Jair Bolsonaro

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas

26/06 - Em cerimônia pontuada por bom gosto e emoção na Igreja Matriz, Thayara Rodrigues & Duan Pilonetto receberam a bênção matrimonial no último sábado, 22. Impecavelmente vestida pelo estilista mais famoso do Brasil, Lucas Anderi, a noiva emocionou os convidados logo antes da sua entrada com depoimento para o noivo. Já ele usava um terno Camargo, sendo que o estilista fez questão de colocá-lo em suas redes sociais. Com um flashmob feito pela Musique Casamentos, cantores e violinos surgiam entre os convidados enquanto as alianças eram conduzidas pela avó da noiva ao altar. Queima de fogos iluminaram a noite ao final da cerimônia religiosa. O salão do Centro de Eventos Primacredi foi transformado com suntuosa decoração por Anna Carolina para receber o em torno de 500 convidados para a celebração da boda. O buffet sempre agradável de Dulce Aguiar, (Roo) servia de volantes como as panelinhas quentes até um buffet de comida japonesa requintado, na ímpar noite que foi adoçada pelas receitas de Claudete Zandoná. A animação da festa ficou a cargo da Banda Bis de Cuiabá, além do receptivo da Musique com apresentação do Brass Live durante a festa que foi até as 6 da manhã. Um dos pontos altos da noite foi a surpresa feita pelos padrinhos que interromperam o final da apresentação dos noivos, surpreendendo com todas as músicas que os recém casados gostam e fazendo a festa já pegar fogo, mais uma das brilhantes ideias do Cerimonial Fabiano Fernandez que produziu e atendeu todo o evento com a mesma maestria de sempre, já conhecida e aprovada. Confira mais flashes by Marcello Holanda . Fotos oficiais Fares Rames.

Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.