propaganda

MUDANÇAS /

Sexta-feira, 06 de Dezembro de 2019, 17h:55

A | A | A

5ª Delegacia da PRF recebe reestruturação operacional e de infraestrutura

A instituição e o Núcleo de Policiamento Rodoviário contam com novos gestores. A circunscrição de Primavera do Leste será aumentada, 25 novos policiais aumentarão o efetivo e serão investidos R$ 2,5 milhões em obras


Carregando fotos
Pérsio Souza

A 5ª Delegacia da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Primavera do Leste está inserida no projeto de Reestruturação de Infraestrutura e Obras (RIO), e receberá novos investimentos a partir do próximo ano e junto a isto, houve a necessidade mudança operacional. A inspetora Angélica Miranda Maciel é a nova chefe da unidade e José Márcio da Silva Junior é quem está no comando do Núcleo de Policiamento e Fiscalização (NPF). A troca de comando ocorreu na sexta-feira (6), na Câmara Municipal, com a presença de autoridades local e estadual.

O superintendente da PRF em Mato Grosso, Francisco Elcio, explica que a PRF passou a atuar com nova metodologia no combate à criminalidade e fiscalização, junto a isto há necessidade de reestruturação nas delegacias do Estado.

Primavera do Leste não só recebeu novos inspetores no comando, como a partir de 2020, haverá aumento na circunscrição da 5ª Delegacia, o ingresso de 25 policiais e recursos para uma nova infraestrutura no valor de R$ 2,5 milhões. O projeto contempla a volta do Grupo de Operações com Cães (GOC), base descentralizada de motociclistas, equipe de combate à criminalidade e conjunto especial de enfrentamento às questões de trânsito.

“Primavera do Leste é um município de grande importância econômica e social, por isso estamos remodelando o conceito da PRF. Com isso vamos robustecer as fiscalizações, auxiliar as forças de segurança na região e trazer mais tranquilidade à população”, explicou Elcio.

Thiago Machado esteve a frente da delegacia por quase seis anos. Neste período, Primavera do Leste realizou grandes apreensões de drogas, agiu no contrabando de cigarros, de produtos ilícitos, recuperou veículos, prendeu criminosos e realizou diversas outras ações. O município chegou a ser referência nacional no combate à criminalidade.

Durante a gestão de Machado, três superintendentes passaram por Mato Grosso e de forma resumida, ele avalia que com efetivo é possível obter sucesso no trabalho realizado.

Em relação às novas conquistas, Thiago conta que desde 2013, quando assumiu a gestão, fez articulações para conseguir a construção de uma nova unidade operacional, impediu que a unidade fosse fechada e sempre esteve em busca de recursos e apoio para manter a efetividade da PRF no município. “É uma colheita de uma semeadura que fizemos em todo esse período. Essas conquistas são para a PRF de Primavera e toda a população, por isso é muito gratificante sabermos que vamos conseguir estes resultados”, afirma.

Machado continua a atuar em Primavera do Leste e assumirá a Base de Inteligência da PRF.

 

NOVA CHEFE DA 5ª DELEGACIA

De Minas Gerais, Angélica é formada em odontologia, mas devido ao fato de não se sentir realizada com a profissão, prestou concurso e ingressou na PRF em 2010.  

O primeiro local de atuação foi em Mato Grosso, no município de Pontes e Lacerda. Lá ela permaneceu por um ano e foi a primeira mulher a fazer parte do primeiro Grupo de Policiamento Tático (GPT) da PRF. A atuação era voltada no combate ao tráfico de drogas na fronteira com a Bolívia.

Posteriormente, Miranda foi transferida para Primavera do Leste e permaneceu por quatro anos no município, mas voltou para Belo Horizonte. Em Minas, Angélica iniciou o Curso de Operações de Choque, no qual obteve êxito em concluir. Após cinco anos longe de Mato Grosso, ela retornou a convite da superintendência para assumir a 5ª delegacia.

“Me sinto honrada em assumir o cargo. Sempre acreditei na capacidade da mulher em estar lado a lado aos homens, pois nossa capacidade é a mesma e fico feliz em poder quebrar esse preconceito, esse tabu e dar um novo rumo à história das mulheres à frente de tomadas importantes de decisões”, responde Angélica ao ser questionada sobre uma mulher assumir o cargo.

Entre as atribuições do chefe de delegacia está o fortalecimento das ações sociais, palestras sobre segurança no trânsito ministradas em escolas e empresas, campanhas contra o câncer infantil, patrulha da saúde voltada aos caminhoneiros, cinema rodoviário, realização do Fetran e outros projetos preventivos.

Além disto, é também jurisdição o combate à criminalidade, ao tráfico de drogas, contrabando, roubo a veículos, fiscalização no trânsito e promoção da segurança da população.  

“Vamos fortalecer essas ações porque acreditamos que a prevenção é o melhor caminho, pois traz resultados sólidos. Vamos também estreitar a relação da PRF com os municípios de Primavera e Campo Verde, indo ao encontro do novo plano estratégico 2020 – 2028 que valoriza a integração intergovernamental”, diz a chefe da delegacia.

Miranda salienta que o agronegócio é a fonte econômica de Mato Grosso e por isso, o tráfego nas rodovias é intenso, sendo assim, é necessária uma fiscalização intensa para garantir a integridade dos mais vulneráveis. Angélica ressalta que os caminhoneiros são parceiros da PRF e são estes com quem dividem o mesmo local de trabalho. “Em diversas situações temos somente uns aos outros para prestar auxílio. A delegacia de Primavera do Leste está lado a lado com os caminhoneiros e queremos ser vistos como parceiros e não algozes”, afirma.

Em Primavera, as instituições de segurança possuem uma ótima relação e atuam em conjunto no combate à criminalidade. Essa é uma das realidades que a nova chefe quer manter e se possível, estar ainda mais próximos com o intuito de terem uma comunicação rápida e oferecer para a sociedade um trabalho sem limite de circunscrição, o que muitas das vezes engessam e inviabilizam as ações.

“Hoje a criminalidade se especializou, se equipou e adquiriu armamento pesado, muitas vezes melhores do que o nossos. Não podemos vacilar e caminhar sozinhos. Há apenas dois lados e nós escolhemos o nosso. A PRF se orgulha das demais policias locais”, destaca Miranda.

A superintendente substituta Iara dos Santos atuava no NPF em Pontes e Lacerda quando Angélica ingressou na PRF. Ela conta que quando Miranda chegou, aparentava ser uma mulher frágil, porém, em pouco tempo provou que isso era somente na aparência. Foi ela quem a convidou para assumir a delegacia de Primavera do Leste.

“Depois que ela saiu de Mato Grosso descobri que ela se tornou uma choqueana (nomenclatura dada a quem se especializa em operações de Choque). Para quem não sabe, este é um dos cursos mais difíceis que existe na PRF, em que vários homens iniciam e não conseguem terminar devido à dificuldade. De frágil ela não tem nada e vocês vão ver isso durante a gestão”, afirma a superintendente orgulhosa.

 

NOVO COMANDO DO NPF

O Núcleo de Policiamento e Fiscalização (NPF) tem como finalidade assessorar a chefia da delegacia no planejamento, acompanhamento e execução das atividades operacionais, como operações, atividades, palestras, educação para o trânsito, ações juntamente com outros órgãos, acompanhamento e coleta de informações de inteligência, levantamento das condições da rodovia e manter contato com efetivo escalado em serviço, dentre outras atribuições. Marcelo Nascimento é quem estava à frente e passou o comando a José Márcio da Silva Junior.

Márcio é formado em direito e pós-graduado em Direito Processual Penal e desde quando ingressou na PRF, há cinco anos, ele atua em Primavera do Leste.

Antes da PRF, o inspetor serviu ao Exército Brasileiro por 17 anos, atuou por quatro anos na Segurança Institucional no Gabinete da Presidência da República e na Agência Brasileira de Inteligência (Abin). Além destes anos de experiência, Márcio possui formação de sargento (Exercito); especialização em Combate ao Incêndio e Salvamento (Aeronáutica); fez estágio de Adaptação à Selva (Exército); Noções Fundamentais Contra o Terrorismo (Abin); Noções Contra a Espionagem.

Para a realização da troca de comando NPF, a superintendência conversou com os policiais da unidade para saber qual era a recomendação deles e todos indicaram Márcio.

“O Márcio foi uma escolha do efetivo da delegacia e por ser um pedido de todos, entendemos que era a pessoa adequada ao cargo. Ele é incansável e isso é muito positivo para a PRF, pois são nossos valores e precisamos pessoas proativas e que realmente querem fazer algo em nossa instituição”, pontua a superintendente Iara.

 

AUMENTO DA CIRCUNSCRIÇÃO, INVESTIMENTOS E MAIS EFETIVO

Como já citado anteriormente, a partir de 2020 haverá aumento na circunscrição de Primavera do Leste e para isso, novos investimentos e efetivo devem ser encaminhados ao município.

Francisco Elcio tem 23 anos de carreira na PRF e assumiu a superintendência em Mato Grosso no início deste ano. Em junho de 2018, ele deixou a delegacia de Rondonópolis para chefiar a Seção de Operações (SEOP), na sede da Superintendência em Cuiabá, função que executava até a nova nomeação.

Elcio diz que nos últimos quatro anos houve redução do efetivo em todo o Estado e reconhece que a circunscrição de Primavera do Leste foi uma das mais afetadas, por isso se faz necessária a readequação para uma efetiva fiscalização.

A redução do efetivo ocorreu devido a uma circunstância da política nacional, conforme explicado por ele, no qual cerca de 150 policiais precisam ser designados ao Rio de Janeiro e Paraná, o que impactou diretamente Mato Grosso.

Com a nova reestruturação, a circunscrição da 5ª Delegacia de Primavera do Leste será ampliada, e irá abranger Campo Verde, Jaciara, Serra da Petrovina ao Paredão.

A ordem no valor de R$ 2,5 milhões será para restruturação física de Primavera do Leste e implantação de bases de apoio em Campo Verde e General Carneiro.

Desde o dia 29 de abril de 2014 o posto da PRF, localizado na BR-364, está desativado. O motivo, à época, era que não havia efetivo para atender a demanda na região.  “É uma região que está desprovida da presença da PRF. Com esse projeto de implantação que deverá ocorrer em torno de três anos, nós faremos um novo reposicionamento na região”, explica Elcio.

 

RECONHECIMENTO PELO TRABALHO DESEMPENHADO

Foram seis anos à frente da instituição e o trabalho que Thiago Machado desempenhou na delegacia é reconhecido por todos, assim como o de Marcelo Nascimento.

O superintendente Élcio salienta que Machado prestou excelente trabalho durante estes anos, mesmo com baixo efetivo obteve grandes resultados. “Primavera do Leste tem ótimo histórico de combate à criminalidade e mesmo com baixo efetivo nestes últimos quatro anos, tivemos grandes ações realizadas. Por isso, quero agradecer ao Thiago, pois o que ele fez, mesmo sem tantos recursos humanos e materiais, conseguiu manter a PRF conectada com a sociedade. Fez o que pode e ainda mais”.

A nova chefe da unidade, Angélica, também agradeceu o trabalho desempenhado pelos PRFs. Com Thiago à frente da Base de Inteligência, ela acredita que a instituição terá ainda mais sucesso na realização das ações.

Desde quando Márcio ingressou na PRF, era Thiago que estava no comando, no qual deu todo suporte necessário ao novato e foi companheiro até mesmo fora do serviço.

A cerimônia ainda contou com a presença de representantes da Polícia Militar, Polícia Civil, Sindicato Rural, Coordenação Municipal de Trânsito e Transportes Urbanos (CMTU), Legislativo, Executivo, Ciretran, Conselho Municipal de Segurança Pública (Conseg), Assembleia Legislativa e Sindicato da PRF.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz