propaganda

ARTIGO /

Segunda-feira, 31 de Agosto de 2020, 06h:30

A | A | A

Daqui a 10 anos!

Prefiro me exaurir no otimismo de que tudo vai estar bem daqui a 10 anos, do que me limitar em uma única possibilidade


Imagem de Capa
Jean Carlos

Segundo Albert Einstein, “o tempo é relativo”, e quando consideramos a palavra “relativo”, abrimos um imenso leque de opções diante da importância que damos para a situação ou o tempo ao qual estamos vivendo. Mas ao nos perguntarmos como será daqui a 10 anos, obviamente virá em nossa mente uma infinidade de questionamentos, dentre eles um em que iremos considerar é: será que estarei vivo? Hoje é muito comum em empresas de sucesso traçar uma meta no início do ano, essa meta tem como objetivo alavancar o crescimento da empresa e como diz o ditado popular, “empresa não tem coração, Tem CNPJ”, consideremos que a empresa fará o possível para alcançar a meta projetada no início do ano estando ou não com a mesma equipe que à projetou, pois, o foco é alcançar a meta.

 

Mas diferente de empresas, nós seres humanos temos coração que na forma física é a bomba responsável por manter o bom funcionamento dos nossos órgãos; e na forma sentimental é o responsável por nutrir nossas emoções, então quando Maicon Souper faz a afirmação, “Ouça a razão e viva sem dores, ouça o coração e seja feliz, mesmo com dores”, ele reforça a dor e a delícia de usar o coração (sentimento) em nosso cotidiano.

Então projetar a vida daqui a 10 anos pode ser assustador, mas ao mesmo tempo libertador por que a única certeza que temos é que, possivelmente não estaremos aqui neste plano, mas isso é uma das infinitas possibilidades que existem para vislumbrar como estaremos. Então considerando a frase de Fernando Pessoa que diz, “Tudo vale a pena quando a alma não é pequena”. Prefiro me exaurir no otimismo de que tudo vai estar bem daqui a 10 anos, do que me limitar em uma única possibilidade, e isso vale para todos os próximos anos, não apenas daqui a 10 anos.

Jean Carlos

 

Professor Esp. de Ciências da Natureza

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz