Tecnologia /

Sábado, 14 de Dezembro de 2019, 09h:30

A | A | A

Então é Natal: a partir de R$ 967, compare Motorola G8 Play, G8 Plus e One Macro

arrow-options Dimítria Coutinho Veja o que achamos de cada um dos três smartphones No final de outubro, a Motorola lançou três novos smartphones ,...


Imagem de Capa
Motorola arrow-options
Dimítria Coutinho
Veja o que achamos de cada um dos três smartphones


No final de outubro, a Motorola lançou três novos smartphones , o Moto G8 Play , o Moto G8 Plus e o One Macro .

Com a justificativa de que cada dispositivo atende um público diferente, a fabricante deixa muita gente na dúvida na hora de escolher, já que os três são celulares intermediários e com preços nem tão diferentes assim.

Atualmente, os preços oficiais do G8 Play, One Macro e G8 Plus são, respectivamente, R$967,12, R$1231,12 e R$1495,12. 

Testei os três smartphones e, no review abaixo, te conto com sinceridade tudo o que achei de cada um deles, assim como as principais diferenças entre os três modelos.

Motorola arrow-options
Dimítria Coutinho
Testamos os três smartphones


Design e tela

Os três smartphones têm designs quase idênticos - causando até confusão. Na parte da frente, todos têm tela na proporção 19:9 com o notch centralizado no topo.

Motorola One Macro e Moto G8 Play têm tela de 6,2 polegadas, enquanto o Moto G8 Plus tem 6,3 polegadas. 

Na parte traseira, o conjunto de câmeras fica alinhado na vertical do lado esquerdo em todos os três dispositivos.

O sensor de impressão digital fica na parte central superior, em uma ótima localização. A altura é suficiente para o indicador alcançar sem precisar fazer nenhum malabarismo, e a distância da câmera é boa - não passei o dedo nas lentes nenhuma vez procurando o sensor, o que costuma acontecer em alguns outros celulares. 

Leia também: Motorola lança One Hyper, celular com câmera frontal retrátil; confira preço

Falando na parte traseira, a Motorola inovou nas cores dos smartphones . Cada um deles tem duas opções de cores, e os dispositivos que eu testei eram nos tons Vermelho Magenta , no Moto G8 Play, Azul Safira , no Moto G8 Plus, e Azul Espacial , no One Macro.

Todas as cores são bem bonitas, e aí é questão de gosto - minha preferida foi o Azul Espacial. Eu só reclamaria um pouco do degradê em todos os três tons, que acabou ficando bem marcado no terço inferior do celular. 

Motorola arrow-options
Dimítria Coutinho
A Motorola inovou nas cores dos smartphones


A respeito da tela, Moto G8 Play e One Macro tem tela HD+, enquanto G8 Plus tem tela Full HD+, todas com tecnologia Max Vision . Na prática, não dá para notar muita diferença.

A resolução é boa nos três smartphones, e a do G8 Plus fica um pouquinho melhor nos vídeos mais detalhados e jogos . Mas a diferença não é grande o suficiente para dar muita atenção a esse tópico na hora de escolher entre um dos três modelos. 

Software e hardware

Quando o assunto são as especificações técnicas dos três aparelhos, eles têm algumas diferenças. Veja a lista dos principais detalhes dos três celulares:

Moto G8 Play

  • Processador Helio P70M - Octa-core - 2GHz
  • 2 GB de memória RAM e 32GB de armazenamento
  • Android Pie 9.0
  • 4.000 mAh de bateria

Moto G8 Plus

  • Processador Snapdragon 665 - Octa-core - Quad-core 2.0 GHz + Quad-core 1.8 GHz
  • 4GB de memória RAM e 64GB de armazenamento
  • Android Pie 9.0
  • 4.000 mAh de bateria

Motorola One Macro

  • Processador Helio P70M - Octa-core - 2GHz
  • 4Gb de memória RAM e 64GB de armazenamento
  • Android Pie 9.0
  • 4.000 mAh de bateria

Leia também: Motorola Razr chega ao Brasil em janeiro com produção nacional

Analisando friamente, teríamos uma escala de “melhor” para “pior” da seguinte forma: Moto G8 Plus, One Macro e Moto G8 Play . Mas, na prática, como os três celulares se comportam?

A verdade é que se você tiver um uso moderado, o que é esperado de um consumidor de celulares intermediários como esses, qualquer um dos três dá conta.

Se você for o tipo de pessoa que exige mais do processamento e do armazenamento, aí nenhum dos três deve ser a opção ideal. 

Durante os testes, os três celulares desempenharam bem, sem nenhum travamento.

Mas é claro que, ao longo do tempo, os 2GB de RAM e os 32GB de armazenamento do G8 Play ou o processador do G8 Play ou do One Macro podem deixar a desejar se você for um usuário que exige um pouco mais do celular. 

Por falar em exigir mais do celular, testei games “pesados” , com bons gráficos, nos três modelos e confesso que nenhum dos três decepcionou.

Primeiro, testei o jogo Dead Trigger 2 , que tem gráficos complexos mas que é um pouco menos dinâmico. Os três smartphones rodaram o jogo muito bem, sem travar nenhuma vez. 

Leia também: Microsoft anuncia Xbox Series X no Game Awards; assista ao vídeo

Depois, testei o Asphalt 9 , que também tem gráficos complexos, mas já é um jogo mais dinâmico, de corrida.

Nesse caso, os três smartphones apresentaram pequenas travadas em alguns momentos, mas nada que tenha comprometido o andamento do jogo.

Mas é importante pontuar que durante os testes os celulares não estavam com muitos aplicativos baixados e nem com muitos arquivos comprometendo a memória. Com o uso mais contínuo do dispositivo, esse tipo de falha nos jogos tende a ser mais recorrente. 

A respeito do software , os três smartphones vêm com Android 9 Pie , e a interface é aquela já conhecida da Motorola : com pouco trabalho em cima do Android puro, se tornando bastante limpa e intuitiva de mexer.

Não tenho o que reclamar das baterias de 4.000 mAh, que duram o dia todo. 

Câmera

A câmera de um smartphone costuma ser o recurso queridinho dos brasileiros, e esses lançamentos da Motorola prometeram trazer lentes interessantes.

Como foi isso na prática? Primeiro, vamos destacar quais são as lentes presentes em cada um dos celulares:

Leia também: Apple, Xiaomi e Huawei: veja quem ganha na disputa de câmeras

Moto G8 Play

  • Câmera frontal de 8MP
  • Câmeras traseiras: 
  • Principal de 13MP e f/2
  • Lente de 117º ultra-wide de 8MP e f/2.2
  • Sensor de profundidade de 2MP e f/2.2

Moto G8 Plus

  • Câmera frontal de 25MP e f/2
  • Câmeras traseiras:
  • Principal de 48MP e f/1.7
  • Sensor de profundidade de 5MP
  • Câmera de ação com f/2.2
  • Sensor de foco automático a laser

Motorola One Macro

  • Câmera frontal de 8MP
  • Câmeras traseiras:
  • Principal de 13MP
  • Câmera macro de 2MP
  • Sensor de profundidade de 2MP
  • Sensor de foco automático a laser

Recursos especiais

Primeiro, vamos falar sobre os recursos especiais que cada um dos smartphones têm. No caso do Moto G8 Play, o destaque é a câmera ultra-wide , que faz fotos com o campo de visão mais aberto.

Confesso que esse recurso é um dos meus preferidos nas câmeras, então estava empolgada. Mas a lente decepciona um pouco. 

Leia também: Parece cinema mas não é: assista a vídeo gravado apenas com iPhone

Dependendo do ambiente, a abertura de campo causa uma distorção nas laterais da fotografia , como se o ambiente estivesse arredondado - isso não acontece em outros modelos de celular com esse recurso, por exemplo.

E jamais tire fotos do chão com essa lente, a não ser que queira que sua perna pareça ter dois metros. Brincadeiras e críticas à parte, se o enquadramento for certo, como em uma paisagem, o recurso funciona bem e cumpre seu papel. 

Motorola arrow-options
Dimítria Coutinho
A sala ficou com o canto um pouco arredondado e as pernas ficaram gigantes


No caso do Moto G8 Plus, o destaque é o recurso Night Vision que, em palavras simples, torna fotos feitas à noite mais claras. Eu gostei bastante do resultado.

Para paisagens, pode ser que a imagem fique clara demais, mas o efeito final é bem legal. O destaque mesmo é para fotos de pessoas tiradas em ambientes escuros. Nesse caso, as imagens ficam com a claridade ideal, sem ficar com aquele branco exagerado do flash. Aprovado. 

Motorola arrow-options
Dimítria Coutinho
À esquerda, foto com modo normal. À direita, com recurso Night Vision


Já o destaque do Motorola One Macro, como o próprio nome diz, é a lente macro, que consegue focar em objetos bem próximos . Para fazer o teste, fiz duas fotos do meu brinco a partir da mesma distância, uma com a câmera normal e a outra com a câmera macro.

O resultado é ótimo. A lente macro consegue focar bem em objetos próximos e entrega imagens com riqueza de detalhes. 

Motorola arrow-options
Dimítria Coutinho
À esquerda, foto com a lente normal. À direita, foto com a lente macro.


Outros recursos especiais são o foco a laser no Moto G8 e no One Macro e os sensores de profundidade nos três celulares.

O foco a laser dá, sim, uma diferença em relação ao G8 Play, que não tem o recurso. Mas, dependendo do objeto e da iluminação, o foco a laser não funciona muito bem. Eu diria que ele é bom, mas não excelente.

Já os sensores de profundidade funcionam bem para as fotos em modo retrato , desfocando o fundo.

As imagens entregues pelo One Macro e pelo G8 Play são bem parecidas, e o desfoque do G8 Plus é um pouco melhor, inclusive com mais opções de níveis de desfoque no momento de fazer a fotografia. Mas os três estão aprovados nesse quesito.

Os recursos de time-lapse e câmera lenta também funcionam bem em todos os celulares testados. 

Leia também: Celular dobrável Samsung W20 5G começa a ser vendido na China por R$11 mil

Comparando as três câmeras

Na câmera traseira, as fotos feitas com o Moto G8 Plus são indiscutivelmente melhores que as dos outros dois celulares.

A nitidez é maior e o celular capta as cores e iluminação de forma mais fiel à realidade. Vale comentar que as fotos do G8 Play ficam um pouco forçadas na nitidez.

Quando você abre a câmera, parece que a foto vai sair toda pixelada e sem qualidade.

Depois de clicar, o software do celular processa a foto e dá uma bela arrumada nela, mas em alguns casos a nitidez fica exagerada, como se a foto tivesse embelezada demais. 

Motorola arrow-options
Dimítria Coutinho
Comparação da câmera principal traseira dos três celulares


Na câmera frontal, os três smartphones entregam boas selfies , mas há diferenças de cores e iluminação.

Eu diria que isso vai do gosto de cada um, mas minha câmera de selfie preferida foi a do One Macro, que fica com a definição melhor que a do G8 Play mas não fica tão “embelezada” quando a selfie do G8 Plus. 

Motorola arrow-options
Dimítria Coutinho
Comparação das câmeras frontais dos três celulares


Veredicto final

Para quem quer um celular intermediário , eu recomendaria qualquer um desses três com facilidade.

Ficou claro que o Moto G8 Plus desempenhou melhor em diversos aspectos, mas ele também é o dono do preço mais salgado entre os três, então a escolha também depende do bolso de cada um. 

Não só do bolso, mas também do gosto: desde as especificações técnicas, que devem ser olhadas com carinho de acordo com o quanto seu uso exige do celular, até os recursos de câmera, que dependem da preferência de cada usuário.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a privatização da MT 130 sentido Paranatinga?
A favor
Contra
Tanto faz