DESARMAMENTO /

Sábado, 11 de Novembro de 2017, 07h:00

A | A | A

Exército destrói 10 mil armas e 30 mil munições que estavam em poder de criminosos de MT

Das 10 mil armas, somente 14 foram doadas para as autoridades


Imagem de Capa
Olhar Direto

Fuzis, pistolas, revolveres e metralhadoras. Ao todo, 10 mil armas e munição suficiente para assassinar 30 mil cidadãos de bem. Este é o arsenal que estava em poder da criminalidade e que foi destruído pelo Exército Brasileiro. O ato de entrega ocorreu na manhã desta sexta-feira (10) no Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT).

O ato foi conduzido pelo Serviço de Fiscalização de Produtos Controlados (SFPC), às 10h de hoje, na sede do 44º Batalhão de Infantaria Motorizada.

“São basicamente armas utilizadas em crimes, roubos, furtos e homicídios. Todos de porte ilegal. As armas são apreendidas, encaminhadas para a Polícia Judiciária Civil, temos a fase de inquérito, após o encerramento da fase processual, essa arma vai para a doação ou destruição”, explica o Coronel Rhaygino Sarly Rodrigues Setubal, Assessor Militar do TJMT, que acompanhou o ato na manhã de hoje, ao lado do Coronel do Exército Bonfim, que explica: 

“Fazemos a destruição destas armas em duas etapas, em função de nossa estrutura. Na medida em que recebemos o armamento, fazemos uma pré-destruição com nosso equipamento de prensa hidráulica. Nesse momento o armamento já fica inutilizável. Em um segundo momento, imediatamente, fazemos a destruição total pela incineração”.

Conforme o TJ explica, a entrega ao Exército visa dar destinação correta para armas e munições apreendidas pelas autoridades judiciais. Só há duas opções para armas apreendidas: doação ou destruição. Quem decide a destinação delas é o Poder Judiciário.

Das 10 mil armas, somente 14 foram doadas para as autoridades, sendo 08 de cano curto e 06 de cano longo. Conforme Setubal, a destruição da grande maioria se dá “devido ao estado precário de conservação do armamento, também os modelos e calibres, que não atendem aos requisitos da segurança pública”.

 

Comparado com 2016, Mato Grosso obteve um aumento de 50% no número de apreensões de armamentos ilegais nas mãos da criminalidade, destacou Setubal. "Foi um trabalho excelente, nos sentimos realizados".

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas

06/11 - Abrimos a coluna hoje com o badalada festa de 15 anos da Gabriela Zufo, filha única de Luciana e Maicon Zuffo, que não economizaram detalhes e organizaram noite esplendorosa sob a batuta do cerimonial Comemore, da Clesiane de Witt, para o debut da princesa. Na chácara Victória devidamente ambientalizada por Silvania Costa, eles receberam seus convidados em um noite emocionante e cheia de surpresas.Vestida por Attuale tecidos e produzida por Claudia Sartori Miotto, ela recepcionou seus convidados, e logo após em trajes de princesa, também by Attuale, ao som de Celine Dion, Beauty and the Beast, acompanhado pelo violinista da Cia Sinfônica, ela flutuou conduzida pelo pai no momento da valsa, que além de uma linda joia surpreendeu a herdeira cantando “Como é Grande meu Amor por você”. Homenagens dos pais, avós familiares e amigos traduzidas em perfeitas imagens feitas por Magna Video emocionaram os presentes. Elogiadas comidinhas da Mirian Avila circulavam pelo salão e os momentos foram adoçados com as receitas de Simone pardo. Convite para a balada e ponto alto da festa foi quando, Gabriela, saiu linda e soberana de um painel de led adequado pela banda Comunicason, com coreografia elaborada por Douglas de Souza. A noite ainda contou com apresentação surpresa do E-stringer, e logo após o dj Rodrigo Marques assumiu o comando das pick-ups. Tudo Perfeito! Confira os momentos eternizados pelas criteriosas lentes do fotógrafo e arquiteto, Marcelo Hollanda.

O que você acha que deve ser feito com os carrinhos de lanche em PVA?
Devem ser retirados das avenidas!
Devem permanecer onde estão!
Devem ficar todos na Praça de Eventos!
Devem ser realocados para as praças da cidade!