VIOLÊNCIA /

Segunda-feira, 13 de Novembro de 2017, 07h:00

A | A | A

Em 2016, 24 pessoas foram assassinas em Primavera; anuário aponta que três pessoas foram mortas por dia em MT

No município, a região onde mais houveram homicídios registrados foram no Centro Leste


Imagem de Capa
Da Redação

O Anuário Brasileiro de Segurança Pública apontou que em 2016 houveram 61.619 mortes violentas no país, ou seja, um total de sete pessoas assassinadas por hora, este é o maior número já registrado no Brasil. Em Mato Grosso, foram três pessoas mortas por dia, um total de 1.176, sendo o segundo estado mais violento da região Centro-Oeste. Já em Primavera do Leste foram 24 mortes registradas no ano. A pesquisa é feita pela organização sem fins lucrativos Fórum Brasileiro de Segurança Pública, e coletou dados de todos os estados brasileiros.

A categoria que aponta que as Mortes Violentas Intencionais (MVI) no Brasil e em Mato Grosso corresponde à soma das vítimas de homicídio doloso, latrocínio, lesão corporal seguida de morte e mortes decorrentes de intervenções policiais em serviço e fora. Sendo assim, a categoria MVI representa o total de vítimas de mortes violentas com intencionalidade. Ao que se refere de Primavera do Leste, os números foram baseados apenas nos homicídios e latrocínios registrados pela nossa equipe em 2016.

Das 24 vítimas assassinadas, a região onde mais houveram homicídios registrados foram no Centro Leste, com três crimes. Os bairros Primavera II, Castelândia e São Cristóvão também aparecem com dois registros em cada. 

 

A média de idade das vítimas é de 24 anos. E a forma mais utilizada para assassinar foi a arma de fogo. Doze mortes foram provocadas por tiro, cinco por esfaqueamento, duas por paulada e uma por estrangulamento. Apenas duas mortes não tiveram as causas reveladas.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
O que você acha que deve ser feito com os carrinhos de lanche em PVA?
Devem ser retirados das avenidas!
Devem permanecer onde estão!
Devem ficar todos na Praça de Eventos!
Devem ser realocados para as praças da cidade!