GENTE NOVA /

Sexta-feira, 14 de Setembro de 2012, 05h:00

A | A | A

Vendedor sonha em fazer Artes Cênicas

Matogrossense está há quatro meses em Primavera do Leste


Redação: Cely Trevisan
Vendedor, Kenned de Souza Batista
Kenned de Souza Batista, 31 anos, natural de Rio Verde/MT, pai de Júlia (6), vendedor da Móveis Gazin é Gente Nova em Primavera do Leste e sonha em cursar Artes Cênicas.
Em entrevista na manhã de quinta-feira (13) a reportagem de O Diário e Cliquef5, Batista comentou um pouco sobre sua trajetória, “nascido em Rio Verde, quando estava com nove anos minha família mudou-se para Coxim/MS, morei lá por quase doze anos e aos 21 anos de idade resolvi sair de casa, foi quando retornei ao Mato Grosso, agora para Rondonópolis”.
Sobre a profissão de vendedor, “desde menino gostei dessa arte de vender, vendia salgado, tenho um lado persuasivo aguçado, além de ser muito curioso. Em Rondonópolis trabalhei durante dois anos com venda de móveis e eletrodomésticos antes de começar a trabalhar na Gazin, hoje tenho três anos de empresa, desses quatro meses na filial aqui de Primavera do Leste” – comentou.
Questionado sobre como ocorreu sua vinda à cidade, Batista disse que sempre quis vir para cá devido ao desenvolvimento, “Primavera do Leste é uma cidade promissora, com clima agradável, com intenso desenvolvimento. Assim que fiquei sabendo da abertura da nova filial da empresa me propus a vir para cá e consegui a transferência” – pontuou.
 “Aqui em Primavera tenho alguns objetivos já traçados, pretendo cursar direito e ter uma maior estabilidade financeira. Dentro de minhas metas ainda estão, me tornar gerente da Móveis Gazin. Meu maior sonho desde menino é cursar Artes Cênicas, vejo que todo trabalho é um teatro, tem de ter humor mas sempre cumprir com suas tarefas, hoje estou amadurecido o suficiente e vou continuar correndo atrás como sempre fiz, basta interesse, porque tem espaço para crescimento”.
O pai é Policial Militar aposentado e mãe dona de casa, a irmã é administradora  de uma retífica em Coxim.
O vendedor comentou sobre o lado social da cidade, “quando cheguei aqui fiz um estudo sobre a cidade e achei muito interessante o trabalho da cozinha comunitária, muito bem organizado, assim como o lago da cidade, local muito bom para influenciar o esporte. Sobre o trânsito, falta sinalização, outro ponto interessante e que a cidade comporta é a instalação de um camelódromo”.
Sobre a sua adaptação na cidade, o vendedor avalia como tranquila, “a população primaverense é bastante acolhedora e como não tenho dificuldade em me comunicar logo me enturmei” – finalizou Batista.

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

MAIS Primavera Do Leste

Primavera recebe novo morador em busca de oportunidades

Tiago Fabril é formado em agronegócio e veio da cidade de Maringá/PR

Casal empreendedor chega em Primavera do Leste com muitos sonhos

Após passar férias na casa das filhas Juraci e Cleide decidiram apostar em Primavera

MAIS LIDAS NO CLIQUE F5

MAIS LIDAS MATO GROSSO


Abaixo reportagens especiais e exclusivas para os assinantes do Jornal O Diário

CLUBE DO ASSINANTE

EMPRESAS PARTICIPANTES

Nome ou atividade:

Bairro ou logradouro:

Produto:

Buscar em:

Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.