EDITORIAL /

Quarta-feira, 01 de Fevereiro de 2017, 17h:58

A | A | A

Fiscalização: esse é o segredo da ordem

CMTU anuncia que irá colocar agentes nas ruas para fiscalizar e autuar infrações


Conforme noticiado ontem em O Diário e agora os fiscais da Coordenadoria Municipal de Trânsito e Transporte Urbano (CMTU) as ações de fiscalização nas ruas serão intensificadas. O motorista precisa andar certo para não ter surpresas desagradáveis.

Como já frisamos neste espaço não há lei que funcione se não houver a fiscalização. Infelizmente a quantidade de leis, exorbitante, quem ninguém é obrigado a saber de todas, aliada a nossa velha mania de transgredir e acostumar-se ao “não dá nada”. Levam na base da união da esperteza com a imprudência e resulta em acidente e transtorno, isso quando a coisa não é maior.

Essa é a função da CMTU: fiscalizar. Multa ninguém gosta, mas também enquanto não for multado (tem suas exceções) acredita que é rapidinho. Só desta vez. E acaba prejudicando outras pessoas.

Um leitor comentou o seguinte no Cliquef5 a respeito deste assunto:

Na vida aprendemos as coisas de duas formas: pelo amor, ou pela dor. Todos os condutores habilitados aprenderam as leis do Código Brasileiro de Trânsito. As condições básicas para convivência harmoniosa de todos no trânsito, que valem para nossa vida pessoal. Nosso direito termina, onde começa o direito do outro. Acredito em campanhas para melhoria do trânsito, quando é direcionada para crianças, adolescente e jovens, antes que eles se habilitem pela Primeira Habilitação, depois não creio que resolva alguma coisa. Multar e punir são formas de educar, e em nossa cidade já passou da hora de agir com rigor, doa em quem doer. Pagar multa ninguém gosta, por isto marca a gente. (Condutor consciente)

Precisa complementar? Não, mesmo.

 

 

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas

21/05 - Na noite do último sábado, 19, os holofotes estavam voltados para o casal Rosi e Moacir Quaini que celebrou 30 anos de união com pomposa festa, no centro de eventos Primacredi. A romântica história de amor que teve inicio em 1988, na Catedral do Divino Espirito Santo, em Cruz Alta- RS, foi reafirmada, dessa fez com a presença dos frutos da união, os filhos Leonardo e Letícia Quaini. Há cerca de aproximadamente um ano juntamente com a cerimonialista Sibeli Salvatori os noivos começaram a organizar a noite que será eternizada para sempre. Profissionais de mão cheia foram convocados para a suntuosa comemoração. A décor Silvânia Costa traduziu toda a magnitude da celebração nos detalhes da imponente decoração em tons de branco, verde e champanhe. O buffet foi assinado pela requisitada Mirian Avila, e o repertório musical ficou por conta da banda Comunicasom que animou os convidados até altas horas da matina. Os filhos Letícia e Leonardo não conteram as lágrimas ao proferirem homenagem aos pais expressando todo amor, carinho e gratidão ao voltarem ao tempo e relembrar, como a união pautada no amor e cumplicidade vence os desafios do tempo. A bênção de renovação dos votos de amor e fidelidade foi ministrada pelo frei Constantino e testemunhada por em torno de 250 convidados que celebraram o momento ímpar com a família que esbanjou felicidade do começo ao fim da noite. As fotos oficiais foram registradas pelas criteriosas lentes do cuidadoso e atento fotógrafo Marcello Holanda. Nossa coluna hoje é exclusiva em homenagem a badalada Bodas de pérola e destaca momentos de emoção dos queridos Rosi e Moacir Quaini que distribuíram abraços e sorrisos durante toda a comemoração. Confiram!

Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.