ARTIGO /

Sábado, 02 de Setembro de 2017, 13h:20

A | A | A

Um trauma pode paralisar uma conquista!


Imagem de Capa
Jean Carlos - Ciências da Natureza (IFMT)

A palavra trauma nos remete a algum sofrimento vivido, uma ferida que surgiu após uma experiência infeliz, receio de tentar novamente, lesões físicas, algo que nos marcou de forma negativa e que em algumas pessoas é necessário um acompanhamento médico para amenizar tal situação que trouxe consigo uma paralisação dos planos, projetos, sonhos, objetivos, novas perspectivas. Diferente de trauma, a conquista nos lembra grandes realizações, o alcance dos nossos objetivos, algo desejado e que após a realização de uma conquista o sentimento de dever cumprido nos toma de forma que planejamos novas conquistas.

 

Mas, e quando não alcançamos a tão sonhada conquista, e ao invés da doce realização sentimos o amargo sabor do fracasso ao ponto de deixar cicatrizes traumáticas nos cegando de tal forma que achamos que não somos capazes de conseguir novas conquistas. Quanto um trauma paralisa uma conquista? Quando todo o otimismo e substituído pelo pessimismo e faz com que subestimamos nossa capacidade de prosseguir, nos paralisando emocionalmente, isso e algo muito sério e pode desencadear uma doença silenciosa que é percebida na maioria das vezes em grau avançado, a depressão.

 

É claro que a conquista realizada logo na primeira tentativa enche nosso ego de orgulho, mas nas grandes maiorias para não dizer todos nos já ouviram histórias de superação de atletas, músicos, artistas, cientistas, enfim, muitos profissionais em todas as áreas que não obtiveram o sucesso logo na primeira tentativa, ouviram muitos "não", e não desistiram e hoje contemplamos o sucesso alcançado por eles, com certeza a trajetória não foi fácil, mas a persistência os levaram a grandes conquistas.

 

Certamente cada um sabe o tamanho do próprio sofrimento, eu não consigo medir o seu e você também não consegue medir o meu, o que podemos fazer um para com o outro é incentivar a retomada dos planos, e que muita coisa boa pode ser tirada da situação sofrida, grandes experiências de como não prosseguir por certos caminhos. O escritor Sharpie Thoughts dizia: "e quando você pensar em desistir, lembre-se dos motivos que te fizeram aguentar até agora", ou seja, perdemos muito mais desistindo do que tentando novamente, e se der errado, continue tentando, mas nunca deixe um trauma paralisar a sua conquista. 

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
O que você acha que deve ser feito com os carrinhos de lanche em PVA?
Devem ser retirados das avenidas!
Devem permanecer onde estão!
Devem ficar todos na Praça de Eventos!
Devem ser realocados para as praças da cidade!