Segurança Pública /

Domingo, 18 de Junho de 2017, 17h:00

A | A | A

PM prende um e recupera quase 280 diamantes roubados em Guiratinga

O suspeito preso é ex-funcionário da vítima e seria o idealizador e um dos executores do assalto


Imagem de Capa
2º Pelotão/PM-MT

Policiais do 2º Pelotão de Polícia Militar de Guiratinga (4º Comando Regional) prenderam um homem e recuperaram 278 pedras de diamantes roubadas, em uma residência no mesmo município.

A prisão oorreu na noite deste sábado (17.06), na MT-270, no sentido Guiratinga-Rondonópolis, após confronto entre policiais e os assaltantes. O suspeito preso, P.A.M.M., de 18 anos, seria ex-funcionário do proprietário dos diamantes e confessou ter planejado e liderado a execução do crime.

De acordo com informações policiais, o 2º Pelotão foi acionado para atender uma ocorrência de roubo envolvendo dois suspeitos, ambos armados com revólveres. Eles teriam invadido uma residência e usado de extrema violência para obrigar o morador a abrir o cofre.

Sob a mira de armas, tortura e ameaças de amputação de dedos, a vítima, um senhor de 74 anos, digitou o código que dava acesso às pedras preciosas. Na casa, estavam outros moradores, dois adolescentes de 16 e de 18 anos, que também foram ameaçados de morte.

Durante diligências na rodovia, na comunidade Vale Rico, ocorreu o primeiro confronto entre guarnições policiais e os dois autores do assalto, além de outro suspeito. Ao perceberem que estavam cercados, os suspeitos atiraram novamente na direção dos policiais, sendo novamente alvejados. Depois de abandonar o carro e se embrenharem na mata, um deles acabou preso em flagrante delito.

Os três ocupavam um veículo modelo Gol, cuja checagem apontou registro de furto ocorrido dias atrás na cidade de Rondonópolis. A varredura no local levou os policiais aos diamantes roubados. Um celular e outras peças de ouro não ainda não foram recuperados.

Os dois suspeitos que fugiram já estão identificados. Outros policiais continuam fazendo diligências na tentativa de capturá-los. O suspeito preso, os diamantes, o veículo Gol, e demais objetos que estavam no carro, inclusive um capacete, foram entregues aos policiais plantonistas da Polícia Judiciária Civil (PJC).     



0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas

21/05 - Na noite do último sábado, 19, os holofotes estavam voltados para o casal Rosi e Moacir Quaini que celebrou 30 anos de união com pomposa festa, no centro de eventos Primacredi. A romântica história de amor que teve inicio em 1988, na Catedral do Divino Espirito Santo, em Cruz Alta- RS, foi reafirmada, dessa fez com a presença dos frutos da união, os filhos Leonardo e Letícia Quaini. Há cerca de aproximadamente um ano juntamente com a cerimonialista Sibeli Salvatori os noivos começaram a organizar a noite que será eternizada para sempre. Profissionais de mão cheia foram convocados para a suntuosa comemoração. A décor Silvânia Costa traduziu toda a magnitude da celebração nos detalhes da imponente decoração em tons de branco, verde e champanhe. O buffet foi assinado pela requisitada Mirian Avila, e o repertório musical ficou por conta da banda Comunicasom que animou os convidados até altas horas da matina. Os filhos Letícia e Leonardo não conteram as lágrimas ao proferirem homenagem aos pais expressando todo amor, carinho e gratidão ao voltarem ao tempo e relembrar, como a união pautada no amor e cumplicidade vence os desafios do tempo. A bênção de renovação dos votos de amor e fidelidade foi ministrada pelo frei Constantino e testemunhada por em torno de 250 convidados que celebraram o momento ímpar com a família que esbanjou felicidade do começo ao fim da noite. As fotos oficiais foram registradas pelas criteriosas lentes do cuidadoso e atento fotógrafo Marcello Holanda. Nossa coluna hoje é exclusiva em homenagem a badalada Bodas de pérola e destaca momentos de emoção dos queridos Rosi e Moacir Quaini que distribuíram abraços e sorrisos durante toda a comemoração. Confiram!

Você é a favor ou contra a revitalização das Avenidas de Primavera?
A favor.
Contra.
Não tenho opinião formada sobre o assunto.