gente /

Quarta-feira, 11 de Outubro de 2017, 22h:02

A | A | A

Fantasia brasileira, "As Boas Maneiras" leva horror e humor a Londres

Novo filme de Juliana Rojas e Marco Dutra, que vinham de trabalhos individuais, brinca com o folclore brasileiro de forma original. A reportagem do iG bateu um papo com os dois durante o London Film Festival


Imagem de Capa

Se você pretende assistir ao novo filme da dupla de diretores Marco Dutra e Juliana Rojas (“Trabalhar Cansa”), prepare-se para uma mistura de sensações. Em “As Boas Maneiras”, Marjorie Estiano interpreta Ana, a filha de um fazendeiro que se muda para São Paulo depois de ficar grávida e ser rejeitada pela família. Em busca de ajuda nesta nova fase de sua vida, ela contrata a enfermeira e moradora da periferia Clara, interpretada pela atriz portuguesa Isabél Zuaa, para ser a futura babá de seu filho.     

Leia também: Estupro é premissa radical e inusitada do excelente "O Silêncio do Céu"

Cena do filme
Divulgação
Cena do filme "As Boas Maneiras", que foi exibido no London Film Festival

O que, no início, em "As Boas Maneiras" parece ser mais uma história sobre a disparidade entre classes sociais no Brasil, acaba tomando um rumo completamente inesperado quando Ana começa a sofrer de ataques de sonambulismo, especialmente em noites de lua cheia.

Leia também: Martin Scorsese sai em defesa de "mãe!" e faz duras críticas à Rotten Tomatoes

“Nossa ideia era falar de maternidade, mas também falar sim de diferença de classe, uma coisa que nós vemos muito no Brasil e em São Paulo. Essa ideia de contraste era uma coisa que nós queríamos que estivesse bastante presente no filme, a ideia de rico e pobre, branco e negro, centro e periferia, criança e lobo, a ideia de instinto e comportamento racional’, disse Marco Dutra em entrevista ao IG durante o London Film Festival nesta quarta-feira (11).

O longa-metragem - que ganhou o prêmio especial do júri na 70ª edição do Festival de Locarno, realizado na Suíça, em agosto - possui algumas cenas obscuras, que fazem o espectador se contorcer na cadeira, além de outras hilárias, que garantem boas risadas.

Os diretores Juliana Rojas e Marco Dutra durante a entrevista sobre As Boas Maneiras em Londres
Divulgação
Os diretores Juliana Rojas e Marco Dutra durante a entrevista sobre As Boas Maneiras em Londres

“Dizemos que é um filme de fantasia, porque falar que é terror não é completamente justo. Amamos musicais, amamos animações, contos de fadas e filmes de terror. Esses elementos surgiram naturalmente, pouco a pouco na história. Nós entendemos a lógica do gênero, mas para nós é muito interessante quando um gênero dialoga com o outro, cria uma forma muito vibrante no final”, acrescentou Marco.

Depois de ser exibido no Festival do Rio no último fim de semana e passar por Londres, “As Boas Maneiras” também participará do Festival de Sitges, na Espanha.

Leia também: “Detroit" vai ao passado para ecoar racismo institucionalizado nos EUA

“Estamos recebendo um feedback muito bom. As pessoas estão muito surpresas de uma maneira positiva com o filme. Tivemos boas críticas em todos lugares e estamos participando de festivais que são mais focados em filmes de arte independentes, além de festivais dedicados a filmes de fantasia. A resposta tem sido a mesma em ambos, e estamos muito felizes e surpresos por conta da aceitação. O público em geral está realmente empolgado para descobrir o filme”, completou Juliana Rojas.

Com inspiração no folclore brasileiro e o mito do lobisomem, “As Boas Maneiras” tem estreia prevista para novembro no Brasil.

Cena de As Boas Maneiras
Divulgação
Cena de As Boas Maneiras


* Acompanhe a cobertura completa do festival pelo Instagram da repórter Patricia Dantas ( @patydantas8 )



Fonte: IG GENTE

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
imagem
os maiores eventos e coberturas
O que você acha que deve ser feito com os carrinhos de lanche em PVA?
Devem ser retirados das avenidas!
Devem permanecer onde estão!
Devem ficar todos na Praça de Eventos!
Devem ser realocados para as praças da cidade!