noticias /

Terça-feira, 16 de Janeiro de 2018, 18h:13

A | A | A

Bebê de apenas 9 meses milagrosamente sobrevive a sete ataques cardíacos

O bebê Keelan-John Owen-Marston nasceu com um defeito raro na garganta, chamado...


Imagem de Capa

O bebê Keelan-John Owen-Marston nasceu com um defeito raro na garganta, chamado de fenda na laringe, que o deixa incapaz de chorar. A criança já sobreviveu a sete ataques cardíacos, apesar de ter apenas nove meses de idade.

O bebê, do norte de Gales, nasceu em novembro passado com uma condição rara que permite alimentos e líquidos passarem para as vias aéreas, além de deixá-lo incapaz de chorar.

Sua orgulhosa mãe, Hannah Owen, diz que ele é seu “pequeno soldado”, comentando que o filho continuou a sorrir durante todo o seu calvário.

Bebê milagrosamente sobrevive a sete ataques cardíacos

Bebê Keelan-John, de apenas 9 meses, passou por um milagre ao sobreviver a sete ataques cardíacos. Criança sofre também problema raro na garganta.

Inicialmente ela não tinha ideia de que ele tinha um problema, até que nasceu duas semanas e dois dias antes do previsto. Os médicos do Hospital Glan Clwyd ficaram preocupados porque Keelan-John não tinha chorado.

44


O bebê foi então transferido para o Hospital infantil Alder Hey, em Liverpool, onde a condição foi diagnosticada.

Hannah disse: “É muito raro. Existem apenas duas outras pessoas que encontrei no Reino Unido com uma criança com esta condição. A maioria das outras são dos EUA.”

444

Keelan-John passou apenas duas semanas fora do hospital em sua curta vida, enquanto ele luta com problemas respiratórios, digestivos e cardíacos.

Hannah disse: “Em 09 de janeiro ele morreu por 20 minutos, mas o trouxeram de volta. Ele teve sete paradas cardíacas no total. Mas Deus o abençoou, ele está vivo, e isso é tudo que importa. ”

As coisas, porém, já parecem melhores, já que o bebê passou por uma cirurgia no final do mês. Ele sofreu uma traqueostomia e agora tem um tubo em sua traqueia para facilitar a respiração, além de ser alimentado através de outro tubo, de alimentação, fixado em seu estômago.

Quanto ao futuro, não existe previsão para que ele fique livre dos tubos e medicamentos, mas a mãe espera que o filho consiga se desenvolver bem.

Fonte: Mirror

0 Comentário(s)
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!
Edição impressa
O que você acha que deve ser feito com os carrinhos de lanche em PVA?
Devem ser retirados das avenidas!
Devem permanecer onde estão!
Devem ficar todos na Praça de Eventos!
Devem ser realocados para as praças da cidade!